Estudo dos contos de fadas


De origem celta (Europa), sem data conhecida (Idade Média), os contos de fadas – também conhecidos como contos da carochinha -, antigamente, eram histórias para adultos e, pouco a pouco, foram sendo adaptadas para o universo infantil, tornando-se o sucesso que é hoje entre as pessoas de todas as idades.

Ao falar em contos de fadas não podemos deixar de mencionar os irmãos Grimm, Perrault e Andersen, pois foram eles os principais responsáveis pela difusão dessas histórias. Não podemos nos esquecer que, nos primórdios, os contos de fadas eram transmitidos oralmente.

Imagem retirada de http://www.cooperativa.cl/noticias/entretencion/sucesos/de-donde-vienen-los-cuentos-de-hadas/2014-12-28/154944.html

Imagem retirada de: http://www.cooperativa.cl/noticias/entretencion/sucesos/de-donde-vienen-los-cuentos-de-hadas/2014-12-28/154944.html

 

Exemplos de contos de fadas:

  • A Bela e a Fera
  • Cinderela
  • Rapunzel
  • Chapeuzinho Vermelho
  • Branca de Neve e os Sete Anões

 

Personagens principais:

  • Protagonista (herói): fadas, …
  • Antagonista (vilão): gigantes, bruxas, feiticeiros, …
  • Mediador mágico

 

Estrutura:

  • Começo
    • A tranquilidade reina
    • “Era uma vez” (localiza a história fora do tempo e da localização, em um mundo sobrenatural)
    • Apresentação de personagens, tempo e espaço
    • Apresentação das características marcantes das personagens
  • Desenvolvimento
    • Conflito gerado pela rivalidade entre o bem e o mal (geralmente é uma complicação na vida das pessoas)
    • Solução do conflito com intervenção da magia
  • Fim
    • “E viveram felizes para sempre” (sempre satisfatório)

 

Imagem retirada de: http://www.casadelpuzzle.com/puzzle-heye-cuentos-hadas-1500-piezas-p-11090.html

Imagem retirada de: http://www.casadelpuzzle.com/puzzle-heye-cuentos-hadas-1500-piezas-p-11090.html

 

Características:

  • O título do conto normalmente se remete à personagem principal da história;
  • Há um narrador;
  • Há castelos e bosques;
  • Abordagens de relações: pai, mãe, madrasta, madrinha;
  • Problemática existencial: morte, vida, amor, envelhecimento, separação, sexualidade, dilemas edipianos, rivalidades fraternas, etc.;
  • Bem versus mal;
  • Ser sobrenatural interfere na história de maneira positiva ou negativa;
  • Personagem (herói) tenta vencer obstáculos ou provas para alcançar a uma realização pessoal;
  • Personagens usam magia e encantamentos.

 

Imagem retirada de http://www.escuelapedia.com/los-cuentos-de-hadas/

Imagem retirada de http://www.escuelapedia.com/los-cuentos-de-hadas/

 

PARA SABER MAIS:

– BETELHEIM, Bruno. A psicanálise dos contos de fadas.

SCHOEREDER, Gilberto. Fadas, duendes e gnomos: mundo invisível.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *