A importância da leitura para uma criança não alfabetizada


Uma criança que ainda não sabe ler nem escrever pode, sim, aproveitar um momento de leitura. Claro, ela não vai conseguir ler, mas um intermediário a introduzirá nesse novo e rico mundo.

Geralmente, a introdução ao mundo letrado se dá por meio de um (ou muitos) adulto. Essa interação entre a criança e o adulto é muito importante, pois, além de mostrar esse novo modo de ver as coisas, também estreita o vínculo entre eles, o que é super saudável, pois favorece o aprendizado efetivo e deixa registrado na memória de todos os envolvidos os momentos prazerosos compartilhados.

 

Mas, por que é importante que a criança entre em contato com o mundo letrado desde cedo?

lendo livro

O ato de ler é diferente do falar: na leitura textual há o contato com uma forma de linguagem mais formal e rebuscada, com um vocabulário mais amplo e com construções lexicais mais abstratas e complexas.

Aquele que tem contato com o mundo letrado cedo tende a ter mais facilidade na aquisição da escrita.

Mas, atenção, esse contato com o mundo letrado não se dá somente com livros! O ideal é explorar todas as formas de linguagem: oral, escrita e digital (TV, computador), para enriquecer a linguagem dessa criança.

 

Sugestões:

livros-para-arquitetos

Ana Teberosky, pesquisadora argentina, num vídeo para o Jornal Futura, dá algumas sugestões que podem ser seguidas tanto pelos pais e outros familiares quanto pelos professores.

  • Manusear livros, mostrando como se usa.
  • Ler em voz alta para a criança fazendo intervenções, ou seja, o adulto faz comentários acerca da leitura e incentiva a participação da criança perguntando, respondendo, localizando imagens ou partes do texto.
  • Incentivar a criança a memorizar a história com a finalidade de ajudá-la no desenvolvimento da linguagem oral.
  • Incentivar a criança a recontar a história (também para desenvolver a linguagem oral).
  • Incentivar a criança a contar a história enquanto o adulto escreve aquilo que está sendo contado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *